2001 – Odisséia Espacial

“Erguem-se trinta fantasmas atrás de cada homem vivo. É esta precisamente a proporção entre os que ainda vivem e os que já morreram. Cerca de cem bilhões de criaturas humanas já pisaram o planeta Terra desde que o mundo existe.”

Assim começa esse que é um dos grandes clássicos de todos os tempos. Quem nunca ouviu falar em “2001 – Uma Odisséia no Espaço”? Eu nunca tive muita curiosidade por esse filme, mas depois que li o livro quero muito vê-lo! Nunca vi tamanha capacidade de falar do futuro, acertando-se em várias previsões. Por mais que esse livro já seja bem antigo, existem coisas que lendo ele você logo verá que são atuais, como essa frase:

“Quando estivesse cansado de relatórios oficiais, memorandos e atas, ligaria o noticioso eletrônico na tomada do circuito de informações da espaçonave e passaria os olhos pelas últimas notícias da Terra. Entraria em contato com cada um dos principais jornais eletrônicos…Cada manchete possuía um código de dois algarismos. Era só marcar o número desejado para que o pequeno retângulo do tamanho de um selo aumentasse até ocupar toda a tela…Era difícil imaginar que o sistema pudesse ser mais aperfeiçoado ou tornado mais prático.”

Vocês podem achar que é loucura minha, mas quem tem celulares desses mais novos sabe que é possível assinar feeds de notícias e lê-los diretamente do seu dispositivo eletrônico, algo muito similar ao que foi dito no livro.

Além disso, outra coisa que me deixa admirado é a riqueza de detalhes que compõe o livro. Veja no fim do post o link que leva a trechos do livro. Com certeza você irá concordar comigo.

O livro se ambienta no futurista ano de 2001. Calma, sei que estamos bem a frente de 2001, mas o livro foi originalmente escrito em 1968. Ele narra a história de cientistas terráqueos que após encontrar um desconhecido objeto na Lua resolvem pesquisar mais sobre ele. Esse objeto não identificado – chamado de AMT-1 (Anomalia Magnética de Tycho-Um) – tem dimensões perfeitas, com as raízes quadradas dos três primeiros números do sistema usado pelo homem. A peça causa estranheza pois não é possível falar com exatidão de onde, como e quando ela veio. O mais interessante é o que acontece durante uma das inspeções da mesma: no momento em que o objeto foi pela primeira vez colocado sob a luz solar, ele emitiu quatro ruídos indecifráveis. Todos ficaram espantados! Depois vieram informações de que o sinal foi emitido na direção de Saturno. Mas o que aquele objeto tem a ver com esse planeta tão distante?!

É aí que a história se desenvolve. Uma expedição é enviada para Saturno com o intuito de buscar respostas para essas dúvidas. Nesse meio tempo, o computador que comanda a nave se revolta contra os comandantes da mesma, ocorre a morte da maioria da tripulação, e no fim…não! Leiam o livro! hahaha

Pra quem ainda não teve a oportunidade de ver o filme, recomendo que leia o livro e veja que obra prima de Arthur C. Clarke!

Livro: 2001 / Odisséia Espacial
Autor: Arthur C. Clarke
Gênero: Ficção
Trechos:

2 comentários sobre “2001 – Odisséia Espacial

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s