A Marcha e minha opinião

Nessa semana foi realizada mais uma Marcha pra Jesus em São Paulo e outros estados. E como em todos os anos anteriores, ela veio acompanhada de uma série de críticas e ataques. Bem, como tenho conhecidos de ambos os lados – defensores e críticos –resolvi trazer o tema para a blogosfera. Quero antes de qualquer coisa dizer que não é meu objetivo gerar atritos em pessoas que pensam diferente de mim. Quero apenas expressar minha opinião e saber o que vocês pensam a respeito do tema.
Mas antes de falar sobre o assunto, vamos esclarecer mais sobre o evento.
Sei que é difícil, mas sempre pode ter alguém que ainda não conheça o evento. Pois bem, a Marcha pra Jesus é um evento que ocorre anualmente em várias partes do mundo e nela cristãos de várias denominações se unem para marchar pelas ruas de suas cidades, cantando e dançando, mostrando a todos sua fé em Jesus. Aqui no Brasil a Igreja Renascer em Cristo é a organizadora desse evento religioso. Nele várias bandas se apresentam em trios elétricos e na concentração. Há também os momentos de oração e Palavra, caracterizando uma verdadeira reunião cristã.

Vendo desse ângulo, parece ser um evento unânime e de total aceitação. Porém não é assim. Existe um grupo de cristãos que critica ferrenhamente esse tipo de manifestação religiosa e aponta dezenas de falhas nela, mediante o emprego da Bíblia. Eles dizem, por exemplo, que Cristo não precisa de eventos que chamem a atenção da população para que Ele possa agir e salvar. Confesso que já fui parte constituinte desse grupo, e tinha meus motivos. Mas hoje quero mostrar aqui minha atual ideia desse evento e saber o que cada um acha dele.

Como já disse, eu também era um crítico da Marcha. Não por ser um evento chamativo (visto que fecha várias ruas nas cidades onde é feita), mas sim por não ver um real fundamento nela. Mesmo tendo ido à do ano passado ainda achava algo sem valia ou com importância. Mas aos poucos fui mudando minha forma de pensamento. Não a respeito dela, mas no geral, em um todo. Comecei a perceber que sem compreensão não se chega a lugar algum. E foi a partir daí que percebi que todas as injúrias levantadas contra a Marcha não tem sentido.
Se for um evento que não simpatizamos, tudo bem. O que não podemos é dizer que a Marcha é um evento ruim, que apenas visa o bem-estar humano e não contribui para o Evangelho. E pior ainda se usarmos a Palavra para tentar nos explicar. Sabe por quê? Basta olhar bem. A Marcha para Jesus é um evento do povo, onde as pessoas expressam a sua fé por meio de uma ação pública, sem ter vergonha de dizer que tem Cristo como guia. Por ser um evento do povo, público, é mais do que aceitável. Não é uma Marcha DE Jesus, mas PARA Jesus. Isso significa que é o povo o responsável por ela, e não a Palavra. Por isso não podemos condenar a Marcha com base nas Palavras de Cristo porque as pessoas se manifestam do jeito que entenderem, sem estarem erradas por isso. Errado seria se alguém chegasse e dissesse que criou a Marcha por inspiração divina. Aí sim eu poderia concordar com as críticas.
Que existem picaretas, safados e sem-vergonhas no meio daquele povo, isso é inegável. Tem sim muitos pilantras, que roubam o povo na cara dura e que usam o evento apenas para autopromoção. Mesmo assim, não é esse o objetivo do evento. Isso significa que nem as características ruins mancham a ideia principal do evento, que é o de reunir pessoas que partilham de mesma fé. Não se derruba uma árvore por causa de alguns frutos podres. Também não se pode condenar um evento por causa de pequenos problemas no seu meio.

É por isso que não condeno a Marcha e seus simpatizantes. Continuo achando um evento desnecessário e sem muito valor, mas nem por isso vou falar mal de quem vai ou deixar de ir. Só não fui esse ano porque estava meio doente, mas se estivesse bom iria com certeza. As coisas que tenho de evitar são aquelas que me fazem mal e que entristecem meu DEUS. Coisas como cobiça, mentira, engano e falso testemunho. Não vou deixar de acompanhar meus amigos a eventos que são neutros para mim só por causa de uma ‘frescura gospel’. Não dessa vez.

E vocês, o que pensam da Marcha? Aprovam, condenam, participam, não acham nada?
Comentem! O espaço é de vocês 😀

Marcha pra Jesus 2010, em São Paulo

Anúncios

2 comentários sobre “A Marcha e minha opinião

  1. Meu irmão, respeito sua opinião, mas o Deus do evangelho não tem nada a ver com essa marcha. Para Este Deus marcha de verdade é a marcha de Martin Luther King e semelhantes.

    Essas coisas me lembram as palavras do próprio Cristo: nos últimos dias aparecerão falsos Cristos…

    Abs.

    • Eu entendo o jeito que você pensa Will, tanto é que partilho de algumas mesmas ideias que você. Mas reforço o que eu disse. As pessoas fazem a Marcha para o DEUS que elas crêem. Apesar de ser algo cheio de pontos fracos e que vão contra a Palavra, a maioria das pessoas não vai ali para isso. Eles vão para se divertirem e passarem seu tempo. Que o tempo podia ser melhor aproveitado eu concordo, mas se as pessoas estão fazendo algo que envolve o nome de Cristo, é isso que importa!

      Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s