Track #6 | Arrested in El Paso Blues

Imagine uma banda que mistura hardcore com música country americana. Estranho, não? Porém ficou bom demais na roupagem desse “highlander” do punk-hardcore mundial, Mike Herrera. Ele, que é também vocalista e baixista da lendária MxPx emprestou seu talento para esse belo projeto. Enjoy!

Anúncios

Utopia Cultural

ou “Mau-Humor: Graças Ao Conhecimento”

Dez e meia da madrugada, cansada e sem ânimo para começar a primeira aula da segunda-feira, fixei-me na lousa à frente. Nem conseguia distinguir as manchas negras  como o plano da professora para a próxima hora e meia. Só pensava em como gostaria de ter ficado ainda mais na cama. Mais do que havia feito ainda aquela manhã, tendo levantado com apenas quarenta minutos para ficar pronta e sair correndo porta afora.

“Bom dia”, começou a professora, em espanhol. “Sabem que dia é hoje?” Ao vê-la apontar para o canto superior esquerdo daquela mesma lousa, percebi que denunciava a presente data como Dia do Continuar lendo

Em Chamas

Depois de alguns meses podemos ver o “estrago” que Jogos Vorazes fez. O filme teve uma das maiores bilheterias da história nas terras americanas e em outros países também. A expectativa que existia em cima da obra era muito grande, e os fãs puderam se deliciar com o trabalho bem feito dos produtores, não só sendo fiel a história original (lógico, houve discrepâncias, mas aquelas esperadas numa adaptação) e envolvendo alguns elementos já do livro decorrente, o qual estarei falando um pouco hoje.

Para quem leu a primeira resenha, deve ter ficado a dúvida sobre Continuar lendo

Como se não houvesse amanhã

(e por acaso, há?)

Ele parecia olhar a vida como quem via um furacão, na certeza da calmaria.
Sempre que penso em Renato, o vejo sentado no topo de um prédio, sentindo as dores de uma sociedade que poderia desfrutar da mais plena paz, não fossem seus tiques de histeria.

A propósito, ele parecia enxergar o ciclo de cada coisa, inclusive Continuar lendo

CD #2 | With Roots Above And Branches Below

Esse é um dos CDs que mais ouvi nos últimos dois anos. Destoa muito do que eu [aparentemente] ouço. Lembro que na época do técnico muita gente dizia: “você ouve metal? Nem parece, você aparenta ser tão tranquilo!”  Pois é, as aparências enganam. Mas falando do disco, é um dos que mais gosto dentro da cena metalcore porque o considero um marco considerável. Longe de ser um trabalho aclamado pela crítica (apenas pela especializada) ele não é um álbum concentrado na musicalidade, mas sim no peso, expresso em muitos riffs, distorções e na bateria insana. Ah, o trabalho é regado de belos elementos eletrônicos, feitos por sintentizadores. Achou a idéia bacana? Então leia a resenha pra entender como é a brincadeira, faixa por faixa. Continuar lendo

Livres 2012

Antes de ler considere que essa resenha é de caráter totalmente pessoal e livre de qualquer imparcialidade. O texto provavelmente conterá algumas discrepâncias com o evento em si, porém isso será explicado no decorrer do texto. Leia por sua conta e risco.

O evento em si foi maravilhoso. Como pontos negativos podemos citar o Continuar lendo

Entrevista com Renato Ribeiro

Ser músico é algo bem interessante. Te faz interpretar a própria vida de outra forma. E quando você reúne esse dom com outros da mesma estirpe, como as artes gráficas? E, como para brindar, rega tudo isso a muito carisma? Esse é um pequeno resumo do entrevistado desse mês, o vocalista da banda Unlife, Renato Ribeiro. Entre outras coisas ele fala sobre sua banda e as mudanças pelas quais ela passou, além dos seus projetos projetos pessoais e sua ótica do mundo. Enfim, Continuar lendo

Atualização da Semana #10

Bom dia, boa tarde, boa noite.

Fazia tempo que não soltava uma atualização, não é? Pois bem, resolvi usar esse método de comunicação como uma forma de boletim mesmo, de quando ocorrerem mudanças significativas no blog. E estamos perto de mais uma, pelo menos em suma.

A partir dessa semana eu, que administro o blog, terei que dedicar menos tempo que o habitual ao mesmo. Como contrai compromissos educacionais para o resto do ano, só terei tempo de cuidar do blog nos finais de semana. Porém esse tempo será dividido com outras atividades. Ou seja, vai ser difícil postar por aqui.

Porém não iremos parar! Talvez a periodicidade do texto cairá para um texto semanal, mas não iremos parar!

Buscarei retornar com os posts musicais relacionados a bandas, que estão nessa seção. Como são textos que necessitam de uma coleta de dados, acabo não consigo desenvolve-la adequadamente, mas priorizarei isso. Pode esperar muita música em nosso blog!

Enfim, creio que seja isso. Um abraço.

De repente, nas Profundezas do Bosque

Fábulas não são meu forte. Geralmente porque associo, precipitadamente, com histórias da carochinha, para crianças. Porém li um livro recentemente que me fez mudar de opinião, pelo menos no caso dessa obra. Apesar de ser do gênero das fábulas, o livro é classificado pelo próprio autor como “para todas as idades”. Assim como “A Revolução dos Bichos”, o livro foi feito para levar uma história dupla, uma espécie de conto para alguns, e relato histórico para outros.

Deixe eu me explicar. Livros como esse são aqueles que trazem Continuar lendo

Agenda: Eventos de Maio em Belém-PA

Como eu disse ontem, teremos Clube do Livro Jogos Vorazes aqui em Belém dia 19 de Maio, às 16h, na Saraiva MegaStore do Shopping Boulevard. Mas esse não será o único evento do mês aqui na cidade. Confira abaixo, e não esqueça de confirmar presença nos links dos eventos no Facebook, ok?! ;) Continuar lendo